Temporada 7 – Ronda 3 – Entrevistas Semana 2

Divisão 1 – pcm-stj                 

P- Carlitos, uma triplete nesta ronda. Confessa, já estavas com saudades de subir ao lugar mais alto do pódio, não estavas? E com gostinho ainda mais especial porque te garante também a liderança da D1.

R- Estava cheio de saudades de um primeiro lugar! Este arranque da temporada não correu como eu desejava. Já passei por todos os lugares do pódio: 3º na primeira ronda, 2º na segunda ronda e agora um 1º lugar. Foi sempre a subir 😀

 

P- Logo no arranque o PTM_RMoura conseguiu ganhar a posição no final da Kemmel e com isso tiveste alguma luta com o AzoreanDiDi_ Como foram estas 3 voltas de luta até recuperares a liderança?

R- Esforcei-me ao máximo para arrancar aquela pole position. Precisava dos pontos e estava com a pica toda!

Contudo sabia também que, embora conseguisse a pole, que no final da primeira volta era muito provável que estivesse em 2º ou 3º simplesmente por causa do túnel de vento na Kemmel straight. 

O Moura passou e o Azorean tentou fazer uma ultrapassagem musculada na Bruxelles contudo fiquei por dentro para a curva seguinte e isso facilitou-me a reconquista da 1ª posição. 

Foi aguerrido, pensei que nunca mais fosse conseguir porque o túnel de vento nos carros Gr2 dificulta a viragem, contudo tinha bom ritmo e isso ajudou bastante para esta vitória.

 

P- O S2V_T_Conceicao teve uma estratégia diferente da tua e com a paragem mais cedo acabou por se aproximar bastante de ti. Tiveste receio que esta estratégia te roubasse a vitória?

R- As estratégias não foram assim tão diferentes, entre mim e o Telmo. 

Enquanto eu dividi stints por +/- 10 voltas, ele ia fazer o mesmo mas tentou o undercut. No lugar dele tinha feito exatamente o mesmo!

Tive algum receio quando saí das boxes no 2º stint de softs, contudo vi que saí a 1,xx segundos, carreguei a sério no acelerador. E foi nessa altura também que consegui a volta mais rápida 🙂

 

P- Início de temporada animado. Três rondas, três vencedores. Quem achas que vai ser o teu maior adversário (ou adversários!) na luta por mais um título?

R- Telmo, Azorean, Aguilar e Moura. 

Todos estão muito fortes para esta temporada. Uns têm tido mais sorte que outros nas corridas, contudo acho que estes 4 pilotos são pilotos de excelência e vêm de faca nos dentes tentar roubar o primeiro lugar e consequentemente o título. 

 

P- Areia, gravilha e saca-rolhas… Estás entusiasmado com Laguna Seca para a R4, ou achas que o McLaren Gr.4 vai dar trabalho?

R- Não é pólvora, mas a combinação é explosiva!

Laguna seca é uma pista que não dá muita margem para erros, ao contrário de Spa. As “bananas” no corretor interior da curva, a areia e gravilha a preencher os contornos da pista… Tem tudo para dar certo, mas também não dá espaço para erros, principalmente a conduzir um belíssimo McLaren Gr4. 

E o mítico saca-rolhas… Poderá dar que falar. Quem é que se vai armar em Renato Seabra e tentar cortar as curvas? 😀

 

Divisão 4-C – mijmlemos

P- Miguel parabéns pelo teu pódio! Conseguiste “arrancar” um 2º lugar num circuito como SPA… Aposto que houve muito treino envolvido!

R- Antes de mais, obrigado pelo convite para participar nas entrevistas da LGTPT. Tem sido bastante divertida esta estreia no campeonato e na divisão 4C, graças também ao resto da malta que nela participa. Em relação à corrida, Spa é um circuito que gosto bastante e penso que a junção com os Gr2 contribuiu para desfrutar dos treinos até a corrida. Foram boas horas a treinar tanto com a R2W, como com outro pessoal da liga, e penso que isso ajudou imenso no resultado final. Sabia que tinha de ser rápido mas acima de tudo consistente.

 

P- No arranque levantaste o pé para não haver problemas e cais para a 5ª posição mas pouco depois, logo na 2ª volta, subiste ao 3º lugar! Explica-nos como conseguiste a recuperação tão rápida!

R- Ainda entro um bocado com medo durante as largadas. Ainda para mais com este novo formato de arranque parado, em que é necessário ter uma certa sensibilidade no pedal acelerador. Algo que terei de melhorar. Depois, também fiz uma qualificação abaixo do que fazia nos treinos. Sabia que podia ter feito melhor e penso que isso me deu confiança extra para atacar os lugares da frente antes de começar a sentir o desgaste dos pneus. Foquei-me principalmente em sair bem da primeira curva, porque o primeiro setor, para além de ser espetacular é sempre a melhor zona para ultrapassar.

 

P- Tendo em conta o domínio do UFT_DiogoCosta, sabias que o máximo que conseguirias seria lutar pela 2ª posição ou achaste que a estratégia poderia trazer surpresas? Treinaste a pensar nisso?

R- Parabéns ao Diogo! Grande corrida! Já conhecia a qualidade do Diogo através de uns treinos que realizamos na RRC, e as rondas anteriores provaram isso ainda mais. Vai ser difícil contrariar o domínio dele, mas é isso também que nos dá vontade de treinar e explorar as diferentes estratégias. Depois de ter chegado ao segundo lugar ainda me consegui aproximar do Diogo. Ele parou na sétima volta para uma estratégia de 3 paragens e eu acreditei que, se mantivesse o mesmo ritmo, poderia surpreender ao fazer apenas duas paragens. Quando voltei a trocar de médios para macios, desci para o quarto lugar e aí foi mais difícil conseguir voltar ao segundo lugar, devido à qualidade dos pilotos da divisão 4C. Penso que aí perdi a distância necessária a manter para o Diogo, também por mérito total da condução dele! Não deu hipótese.

 

P- Quando o LPS_|_KromRaider pára na 18ª volta, ainda tinhas esperança de conseguir ir até ao 2º lugar ou já te tinhas “conformado” com o 3º lugar?

R- Perguntei isso a mim próprio várias vezes durante o último stint. Via o meu desgaste a aumentar e não conseguia reduzir o atraso para o KromRaider. Mas depois também me apercebi que ele ainda não tinha usado os pneus médios e continuei a puxar até ao fim. Para além disso sabia que o Diogo ainda ia ter de parar na última volta, mas isso também já era pedir demasiado. O segundo lugar já foi incrível. 

 

P- Laguna Seca… Areia, gravilha, subidas e descidas… Estás pronto para domar o McLaren GR.4 lá?          

R- Laguna seca foi a minha primeira corrida “a sério”, na temporada passada, quando participei na primeira edição da RRC, ao lado de pilotos que hoje fazem furor na divisão 4B (Tomate e Berna da TSM e o Paulo da R2W). Consegui um pódio nessa corrida, que também foi realizada com um Gr4 e por isso espero conseguir fazer uma boa corrida e manter este bom início de temporada. Vou certamente dedicar-me aos treinos!

 

Divisão 4-D – riscas30

P- Riscas, primeira vitória e logo em SPA! Como é, subir ao lugar mais alto do pódio?

R- É uma sensação ótima!! Depois de 2 corridas um pouco “azaradas”, lá consegui a vitória que sempre quis e sendo a minha primeira vez numa edição da LigaGT Portugal, teve um sabor ainda mais doce.

 

P- Aquela qualificação foi espectacular! Estavas a contar rodar tão rápido ou surpreendeu-te aquele tempo? Foi um sentimento agridoce aquelas 31 milésimas para a pole?

R- Embora todos queiramos a pole position, chegar lá envolve muito treino.

Esta foi talvez, das três provas, a que treinei menos, e ficar no top 3 da qualificação em que a diferença do 1º lugar para o 3º lugar são apenas 31 milésimas, demonstra bem a qualidade dos pilotos integrantes e dei-me por contente por ter partido da posição que parti.

 

P- O arranque parado é sempre complicado mas a tua Divisão foi exemplar, sem problemas. Achas que isso é fruto do respeito e união da Divisão?

R- Sim, desde a primeira prova que se tem vindo a demonstrar o respeito entre pilotos e isso ajuda a que as corridas sejam mais tranquilas para todos. Os incidentes fazem parte de uma corrida e todos os pilotos estão sujeitos a envolverem-se, mas ninguém faz por mal e o fair-play nesta divisão é notório dentro e fora de pista.

 

P- Roubaste logo a 2ª posição ao piloto da PTX, PTX_Rog3rTS, e seguiste a tua corrida de forma mais ou menos tranquila. Estavas numa estratégia notoriamente diferente do RAFAMIX1980 mas de repente na última volta, consegues ultrapassá-lo! Conta-nos o que se passou?

R- Sim, consegui um bom arranque face ao PTX_Rog3rTS, mas o RAFAMIX1980 também fez um bom arranque, o que me permitiu manter-me a pouca distância dele (RAFAMIX1980) durante as primeiras voltas. As estratégias eram diferentes, o RAFAMIX1980 estava muito bem nesta combinação e com um bom ritmo durante a corrida e tinha tudo para se sagrar um vencedor justo nesta corrida.

Não consegui ver o incidente pois estava a cerca de 6/7 segundos, mas quando vi o carro dele parado na pista percebi que algo se passava e aproveitei o erro ou algum problema técnico que tenha acontecido para chegar à meta em primeiro lugar.

 

P- Próxima ronda temos um carro de GR.4 que é muito diferente do NSX! Já testaste o McLaren em Laguna Seca? O que achas que nos vai trazer essa mítica pista?

R- Laguna seca é uma pista emblemática e exigente. O mclaren é um carro interessante para esta pista e vai ser (mais) um desafio para todos os pilotos.

Penso que vamos ter grandes corridas, como tem acontecido até agora, e visto que esta é uma pista com poucos pontos de ultrapassagem e com curvas bastante exigentes com os pneus, será interessante de ver também as estratégias que se vão aplicar nesta jornada.

 

E deixo desde já publicamente também dedicada a vitória a todos os que me ajudaram a ser um melhor piloto, mas em especial para o Di_Senna que recentemente foi pai e que em tom de brincadeira lhe tinha dito que se ganhasse a vitória era dedicada para o “Senna Junior”, por isso, aqui está!!!

Divisão 3-B – Panx1973

P- Panx, três corridas, duas vitórias… Já começas a ficar habituado a estes lugares cimeiros ou continua a ser uma agradável surpresa quando ganhas?

R- Ora boas. Cada corrida é diferente, foi a minha vitória mais tranquila e isso sim foi uma surpresa na altura, até ver no replay tudo o que se passou atrás de mim. É verdade que tenho ficado muitas vezes nos lugares cimeiros mas trabalho para isso em conjunto com a minha equipa. Desde que entrei para a Liga que tenho defrontado sempre excelentes pilotos e todos querem o mesmo que eu, a vitória pode sempre cair para qualquer um e esta foi para o Cantinho. Obrigado aos melhores “engenheiros de corrida” do mundo, Rodrigo e Rui, apesar que desta vez não tiveram muito trabalho comigo.

 

P- 3 décimos de diferença para a Pole. O que faltou para teres conseguido aquele pontinho extra nesta corrida?

R- O Widow fez uma volta top, faltou-me ser mais rápido no último sector para me aproximar mais um pouco, com o nível de pilotos que temos nesta divisão fazer a Pole não é fácil.

 

P- Arrancaste melhor que o l_lwidowl_l mas não forçaste no gancho e ficaste ali à espreita até, na travagem para Les Combes, numa luta a três!, conseguires ficar à frente! Depois mais ninguém te apanhou! Achas que se as lutas atrás de ti não tivessem sido tão “intensas”, a tua corrida teria sido assim?

R- Sim, arranquei melhor mas estando por fora tentei fugir a qualquer tipo de contacto não arriscando nada, partindo de 2º a ideia era passar na Kemmel e correu bem. Claro que as lutas atrás foram benéficas, mas foquei-me em fazer a minha corrida e fizemos as alterações que achamos necessárias perante o que estava a acontecer , treinei duas estratégias

(7-7-7-1)(9-9-4) mas como acabei por conseguir poupar bastante pneu optámos por (10-10-2).

 

P- A Divisão 3B está muito equilibrada com pilotos rapidíssimos. Consideras-te um possível campeão ou achas que é quase um sorteio e qualquer piloto pode vencer esta divisão? Quem achas que te vai dar “mais trabalho”?

R- Concordo a 100%, é um Grid fortíssimo e equilibrado.

Não acredito em campeões antecipados, se todos fazemos parte todos temos hipóteses e isto ainda agora começou.

 

P- Já tiveste oportunidade de rodas em Laguna Seca com o McLaren Gr.4? Que achas deste combo?

R- Ainda só dei meia-dúzia de voltas, no entanto o carro é o da tomada de tempos da T6 e a pista é super conhecida, vamos à luta, boa sorte a todos.

Se me permites e porque não é sempre que terei esta oportunidade, quero agradecer e saudar toda a equipa do Cantinho da Tibilete por todo o apoio, obrigado maltinha.

Agradecer a todos vocês na Liga GT Portugal pelo vosso trabalho. E finalmente quero dedicar esta vitória ao papá Senna e ao Seninha, e também ao meu “maninho” Laranjinha que este ano não pôde participar e faz cá muita falta.

 

Entrevistas realizadas por Peste_Negra_PT!